Página Inicial / Geral / Um dos suspeitos mais procurados do Espírito Santo é preso pela Polícia Civil

Um dos suspeitos mais procurados do Espírito Santo é preso pela Polícia Civil

A equipe da Delegacia Especializada de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) de Serra cumpriu o mandado de prisão preventiva em desfavor do alvo número um da DHPP e um dos suspeitos mais procurados no Espírito Santo. C.S.C., de 24 anos, é suspeito de comandar o tráfico de drogas do Bairro de Fátima e Hélio Ferraz, Serra. Ele também é investigado pelo homicídio de Robson dos Santos Antônio, de 28 anos, ocorrido em fevereiro de 2018, em Bairro de Fátima, Serra. O suspeito foi preso nessa terça-feira (22), no bairro Jardim Limoeiro, no município.

Durante a prisão, cumpriu-se um mandado de busca e apreensão pelo qual foram apreendidas uma pistola calibre .380, com numeração raspada, quatro carregadores e 64 munições intactas.

Segundo o titular da DHPP, delegado Rodrigo Sandi Mori, C.S.C. é o braço direito de F.M.P., atual chefe da associação criminosa do bairro da Penha, em Serra. “Há três meses iniciamos o monitoramento do suspeito e constatamos que ele mudava de endereço constantemente. Nessa última terça-feira, o localizamos na residência de um amigo, dentro de um condomínio em Serra e conseguimos prendê-lo”, explicou.

No dia oito de outubro deste ano, a equipe da DHPP de Serra foi ao Bairro de Fátima para prender C.S.C., mas foi recebida com disparos de arma de fogo emitidos pelos traficantes da região. Nessa mesma operação, uma grande quantidade de drogas foi apreendida pelos policiais civis.

“Os moradores da região conheciam o histórico do suspeito, mas não tinham interesse em denunciá-lo. Para conquistar a confiança da comunidade, o suspeito realizava festas no bairro e entregava mantimentos para as pessoas mais carentes. No decorrer das investigações, foi apreendida a mansão em que o detido residia, no bairro Portal de Jacaraípe. Dentro da mansão, diversas anotações a respeito do tráfico foram descobertas”, relatou Sandi Mori.

C.S.C. foi preso por meio de mandado de prisão preventiva pelo crime de homicídio. Devido à arma e às drogas apreendidas, ele foi autuado e responderá também pelos crimes de tráfico de drogas e posse ilegal de arma de fogo. Ele foi encaminhado ao Centro de Triagem de Viana (CTV).

Sobre o homicídio

No dia 28 de fevereiro de 2018, motivado pelo tráfico de drogas, C.S.C. e outros dois suspeitos emitiram vários disparos contra Robson dos Santos Antônio, de 28 anos. O crime aconteceu em via pública, do Bairro de Fátima. Na hora do crime, os suspeitos estavam dentro de um veículo e a vítima andava pelo bairro.

De acordo com o delegado Rodrigo Sandi Mori, a vítima foi a óbito na mesma hora. Os outros dois suspeitos foram presos durante outra operação da DHPP de Serra.

 

Você pode Gostar de:

Senado aprova projeto que reestrutura Previdência dos militares

O plenário do Senado aprovou na quarta-feira (4) o Projeto de Lei 1.645/2019, que reestrutura …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *