Página Inicial / Defesa do consumidor / Procon-ES e SEG debatem implantação do Procon Digital

Procon-ES e SEG debatem implantação do Procon Digital

O processo de implantação do Procon Digital foi tema de uma reunião na sede do Instituto Estadual de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon-ES), no Centro de Vitória, nessa quinta-feira (16). O coordenador de Inovação e Desenvolvimento Tecnológico da Secretaria de Governo, Victor Murad Filho, foi recebido pelo diretor-presidente do Procon-ES, Rogério Athayde, para debater o assunto.

Também participaram da reunião a diretora Jurídica do órgão, Andrea Munhós e o assessor especial de Tecnologia da Informação do Instituto, Marcos André. Além de conhecer a nova Diretoria do Instituto, Murad apresentou o plano do Governo do Estado de mudança para o Procon Digital.

O objetivo do projeto é melhorar a acessibilidade e o atendimento aos consumidores, com inovação e tecnologia no andamento dos processos. A implantação do Procon Digital permitirá mais facilidade para o consumidor na resolução das demandas. Com o atendimento digital, o consumidor poderá resolver suas dúvidas e fazer reclamações onde estiver, sem precisar se dirigir ao órgão e, consequentemente, conseguindo respostas mais rápidas.

O diretor presidente do Procon-ES comemorou a iniciativa. “A inovação já não é mais percebida exclusivamente como uma questão para as empresas privadas que buscam desenvolver e implementar novos produtos, processos de produção ou técnicas de vendas. O Governo do Estado está cada vez mais atento, incentivando e apoiando não só a inovação no setor privado, mas também produzindo políticas públicas e serviços públicos inovadores”, disse Rogério Athayde.

A medida trará também melhoria no serviço prestado pelo Procon, com eliminação de papel, já que o sistema será totalmente digital. Outra vantagem será o ganho de tempo para a tramitação dos processos dentro do órgão, sobretudo no Departamento Jurídico do Instituto.

Por meio de um sistema digital, será possível ao Procon antecipar e mediar conflitos entre consumidores e fornecedores, apresentando possíveis soluções, antes mesmo que a empresa faça contato para cobrança, por exemplo. O próximo passo para a implantação do Procon Digital é a contratação de uma empresa para desenvolver o sistema, o que deve acontecer ainda no primeiro semestre deste ano. A expectativa é de que até o fim de 2020 a ferramenta já esteja em funcionamento.

Aplicativo

Outro avanço no acesso do consumidor aos serviços do Procon-ES ocorreu em 2019, com o lançamento do ‘App Procon-ES’. Por meio do aplicativo, é possível tirar dúvidas, registrar denúncias e reclamações sobre produtos adquiridos e serviços contratados, como problemas com energia elétrica, água, telefonia celular e fixa, internet, defeitos em produtos e outros problemas relacionados ao consumo.

Para registrar uma reclamação, o consumidor deve informar seus dados pessoais, como nome completo, CPF, RG, data de nascimento, endereço, e-mail e telefone para contato. Após esse cadastro, deverá ser feito um breve relato do problema, informando o nome e dados da empresa reclamada e números de protocolo, caso exista. Também podem ser registradas denúncias de forma anônima.

O prazo para retorno, após o envio da demanda, é de até 72 horas úteis no e-mail informado no ato do cadastro. O acompanhamento da reclamação poderá ser feito pelo link “consulta processo”, no site do Procon-ES. O aplicativo permite que o consumidor envie fotos que comprovem a denúncia e de documentos, como nota fiscal, ordem de serviço, faturas etc.

 

Você pode Gostar de:

Não perca a data para entrega dos comprovantes para Imposto de Renda,confira

As empresas e as instituições financeiras têm até sexta-feira (28) para enviar aos contribuintes os …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *