Página Inicial / Polícia / Policiais civis de Piúma prendem suspeitos de vender diplomas falsificados

Policiais civis de Piúma prendem suspeitos de vender diplomas falsificados

A equipe da Delegacia de Polícia (DP) de Piúma efetuou a prisão em flagrante de três suspeitos de venderem diplomas falsos. I.F.S.R., de 50 anos, C.A.M.C., de 42 anos e R.S.S., de 51 anos, foram detidos, na última terça-feira (13), no bairro Praia de Acaiaca, no município. Há suspeitas de que os envolvidos praticavam o crime há mais de um ano.

Segundo o responsável pela DP, delegado Davi Santana Gomes, I.F.S.R. é secretária de Educação do município, C.A.M.C. é marido da suspeita e R.S.S. é funcionária do casal. “Nós recebemos uma denúncia de que a secretária de Educação estava efetuando a venda de diplomas falsos. Com base nisso, fomos ao local indicado, aguardamos o processo de venda e ao confirmar o crime, prendemos a funcionária de 51 anos”, explicou.

O delegado contou que, logo após, a equipe se dirigiu ao local onde a secretária de Educação e o esposo estavam. “De acordo com algumas informações, a detida de 50 anos era quem negociava os valores a serem pagos e o marido assinava os diplomas. Eles vendiam diplomas falsos de qualquer curso, o cliente escolhia o valor de acordo com a carga horária da suposta formação”, relatou Davi Santana.

O titular da DP acrescentou que toda a documentação foi apreendida. Os suspeitos foram indiciados pelos crimes de falsidade ideológica e associação criminosa.

I.F.S.R. e R.S.S. foram encaminhadas ao Centro Prisional Feminino de Cachoeiro de Itapemirim (CPFCI) e C.A.M.C. foi conduzido para o Centro de Detenção Provisória (CDP) de Marataízes.

Fonte: Assessoria de Comunicação Polícia Civil

Você pode Gostar de:

BPTran apreende droga e recupera veículo durante ações realizada no feriado

Desde quinta-feira dia 14, véspera do feriado de Proclamação da República, as equipes de fiscalização …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *