Página Inicial / Geral / PM utiliza talonário eletrônico em fiscalização de trânsito,confira

PM utiliza talonário eletrônico em fiscalização de trânsito,confira

Com o objetivo de buscar mais dinamismo na confecção dos Autos de Infração de Trânsito (AIT), policiais militares do Batalhão de Polícia de Trânsito (BPTran) iniciaram, na última semana, o uso do talonário eletrônico em substituição aos talonários de papel utilizados para lavratura dos autos na PMES.

Trata-se do aplicativo denominado RADAR Agente, que permite o preenchimento eletrônico das autuações utilizando um smartphone, além da consulta on-line dos dados de condutores e veículos existentes nas bases nacionais de dados. 

Desenvolvido pelo Serviço Federal de Processamento de Dados (Serpro), o aplicativo foi adquirido pelo Detran. O uso do talonário eletrônico permite consultar dados de veículos e condutores, registrar infrações on-line e off-line conferindo mais agilidade e eficiência às operações de fiscalização de trânsito, minimizando falhas no preenchimento do auto de infração constatado.

Na última sexta-feira (20), policiais militares do BPTran, após realizarem instruções na Unidade, iniciaram o uso do etilômetro passivo nas fiscalizações. Tal aparelho não substitui o etilômetro homologado pelo Inmetro modelo Alco Sensor IV, utilizado nas operações. Sua função está relacionada a fazer uma “triagem” dos condutores que serão encaminhados ao etilômetro  convencional, aumentando o número de condutores fiscalizados na operação foco “Lei Seca”.

No sábado, dia 21, durante a fiscalização “Operação Natal” realizada em Colina de Laranjeiras, Serra, foram abordados 358 veículos, com realização de 358 testes de etilômetro passivo. Destes, apenas três indicaram a presença de álcool. Assim, três condutores foram encaminhados para realizar o teste no etilômetro homologado pelo Inmetro. Tais testes resultaram em dois autos de infração referentes a conduta prevista no artigo 165 do Código de Trânsito Brasileiro.

O tenente-coronel Glariston Fonseca Nascimento, comandante do BPTran, explicou que o objetivo da utilização do talonário eletrônico é fornecer  ao policial ferramentas que o auxiliem na realização do policiamento de trânsito, levando eficiência para as fiscalizações.

“Com maior rapidez e com menos possibilidades de falhas no preenchimento dos autos de infração beneficiamos todos aqueles que são abordados nas fiscalizações e demais usuários da via, sempre com o objetivo de fiscalizar para prevenir acidentes”, ressaltou.

 

Você pode Gostar de:

13/08 CASAGRANDE ANUNCIA: investimentos que ultrapassam R$ 66 milhões para Serra e Cachoeiro de Itapemirim

O governador do Estado, Renato Casagrande, anunciou, na manhã desta quinta-feira (13), duas importantes obras …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *