Página Inicial / Geral / Operação conjunta apreende armas e prende suspeitos

Operação conjunta apreende armas e prende suspeitos

A Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) de Vila Velha e a Guarda Municipal de Vila Velha deflagraram operação policial na segunda-feira (23), nos bairros Santa Rita e Primeiro de Maio, com o objetivo de identificar esconderijos de armas e drogas, além de dar continuidade às investigações sobre crimes cometidos nos bairros.

“Quando as viaturas chegaram ao primeiro local de buscas, indivíduos que estavam na rua visualizaram as equipes, fugiram e adentraram a residência de um adolescente de 15 anos.  No local foram apreendidos uma espingarda calibre .12 e 7 munições do mesmo calibre, duas granadas, duas pistolas calibre .380, três carregadores, 58 munições de calibre .380 e  coldre”, relatou o titular da DHPP Vila Velha, delegado Tarik Souki.

Três suspeitos de 20, 21 e 24 anos, continuaram a fuga e foram localizados em uma residência próxima do local da apreensão. Alguns dos indivíduos têm passagens por tráfico de drogas, homicídio e porte de arma.

Durante as buscas também foram encontrados dois artefatos explosivos de fabricação caseira.  Foi necessário o acionamento do Esquadrão Anti-Bomba da Polícia Militar para remoção das granadas.

Em ato contínuo, as equipes foram até o segundo alvo e prenderam dois suspeitos de 18 e 19 anos e apreenderam um adolescente de 16 anos.

Com eles foram apreendidos dois revólveres calibre .38 e 19 munições do mesmo calibre. Esses indivíduos são ligados ao narcotráfico local e foram presos escondidos no interior de uma casa abandonada. Na hora da abordagem os criminosos arremessaram os armamentos pela janela, porém os policiais localizaram.

Os maiores de 18 e 19 anos foram autuados em flagrante por posse ilegal de arma de fogo, corrupção de menores e associação criminosa. Eles encaminhados ao Centro de Triagem de Viana. Os adolescentes assinaram Boletins de Ocorrência Circunstanciados por ato infracional análogo ao crime de posse ilegal de arma de fogo, e foram reintegrados às respectivas famílias.

O adolescente de 16 anos foi identificado como o indivíduo ameaçou uma equipe de reportagem no dia 11 de março no bairro Primeiro de Maio.

 

 

Você pode Gostar de:

HOJE (07) POSSE OFICIAL: Polícia Militar do Espírito Santo tem novo comandante-geral

Foi realizada no início da tarde desta terça-feira (07) a passagem do Comando-Geral da Polícia …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *