Página Inicial / Cultura / GOVERNO DO ES:autoriza obras em escolas da Rede Estadual

GOVERNO DO ES:autoriza obras em escolas da Rede Estadual

As Escolas Estaduais de Ensino Fundamental e Médio (EEEFM) Profª Maria Olinda de Oliveira Menezes, localizada na Serra, e Elza Lemos Andreatta, em Vitória, passarão por obras nos próximos dias. O Governo do Estado, por meio da Secretaria da Educação (Sedu), publicou no Diário Oficial, da quarta-feira (08), a Ordem de Serviço para as melhorias nas unidades.

 

A EEEFM Profª Maria Olinda de Oliveira Menezes passará por obra de urbanização e construção de quadra poliesportiva. O investimento é de quase R$ 2 milhões. A diretora da unidade, Luciana Marques Fontes, explicou a atual situação da escola.

 

“Em 2015 a cobertura da quadra foi retirada por causa da corrosão e, com isso, ficou inviável o uso. O espaço é tão grande e não estávamos podendo usufruir de acordo com a perspectiva escolar. Nós aguardamos essa obra com muita ansiedade. A comunidade toda está muito feliz”, contou.

 

A diretora falou ainda sobre como essas intervenções impactam para a melhoria do ambiente escolar. “O aluno, quando tem uma área de lazer, de convivência, que possa proporcionar para ele prazer em estar ali, com certeza vai render muito mais na aprendizagem. Gostaria de deixar registrado aqui a minha gratidão por essa gestão. Por anos fomos ignorados, mas quando essa gestão assumiu olhou com outros olhos nossa escola e viu que nossos alunos são merecedores dessa atenção”, completou.

 

Já a EEEFM Elza Lemos Andreatta passará por reforma no prédio, no valor total de R$ 1.102.798,69. O subsecretário de Suporte à Educação da Sedu, Aurélio Meneguelli, ressaltou a importância da continuidade do programa de reestruturação e inovação da Rede.

“Mesmo nesse momento de pandemia, eu vejo como necessário dar continuidade às intervenções escolares, até para movimentar um pouco mais o comércio e a indústria. Ao mesmo tempo traz uma expectativa de melhoria, de esperança e autoestima para as pessoas nesse momento difícil de isolamento, em especial aos nossos alunos, professores e comunidade escolar”, afirmou o subsecretário. 

As obras vão seguir todas as orientações do Governo do Estado e da Organização Mundial da Saúde (OMS) para garantir a segurança de trabalhadores e demais pessoas envolvidas nos projetos e evitar a propagação do novo Coronavírus, sem aglomerações e mantendo as condições de segurança e limpeza para a prevenção ao contágio. 

 

 

Você pode Gostar de:

17/09 PM e MPES participam da “Operação Cafarnaum”

Nesta quinta-feira (17), policiais militares do Núcleo de Inteligência da Assessoria Militar do Ministério Público …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *