Página Inicial / Fiscalização / ES: Suspeito de ser um dos principais fornecedores de armas é preso

ES: Suspeito de ser um dos principais fornecedores de armas é preso

A equipe da Delegacia Especializada de Armas, Munições e Explosivos (Desarme) prendeu, na quinta-feira (30), um homem de 41 anos, apontado como um dos maiores fornecedores de armas de grosso calibre para a Grande Vitória. A operação foi integrada com a Superintendência de Inteligência e Ações Estratégicas (Siae), Serviço de inteligência do 7º Batalhão da Polícia Militar (PMES) e do Ministério Público (MPES) que cumpriu três mandados de prisão e oito mandados de busca e apreensão. A prisão aconteceu em uma residência de luxo em Santa Mônica, Vila Velha.

Segundo o titular da Desarme, delegado Christhian Waichert, os policiais cumpriram o mandado de busca e apreensão na casa do detido onde foi apreendido uma pistola calibre 380 e R$ 20 mil, em espécie. “Ele foi preso pela equipe da Desarme há, aproximadamente, três meses, com uma arma de fogo. Novamente cumprimos um mandado de busca e apreensão e encontramos mais armas com ele. Isso demonstra que ele tem facilidade em conseguir essas armas”, disse.

Além do cumprimento de mandado de prisão preventiva, ele foi autuado em flagrante delito por posse ilegal de arma de fogo. “As investigações mostraram que ele trazia esse armamento de outros Estados para o Espírito Santo. Ele é apontado como um dos maiores fornecedores de armas do Estado e tinha como público alvo traficantes da Grande Vitória”, afirmou Christhian Waichert.

O detido também tem envolvimento no trafico de drogas na Serra e em Cariacica. “ Por ser  considerado um dos maiores fornecedores de arma do Estado acreditamos que, a partir da prisão dele, acabamos com uma linha de venda de arma. As investigações continuam para saber se ele tem mais arma e o caminho que ele usa para trazer  essas armas para o Estado”, destacou o responsável  pelo caso.

No decorrer das buscas, os policiais receberam informações anônimas de que um veículo teria abandonado uma sacola com armas de fogo na  Rodovia do Contorno, em Cariacica. “Fomos ao local e encontramos um fuzil calibre 556 e um kit Roni com uma pistola calibre .40 adaptada para efetuar disparos em rajadas como uma submetralhadora”, disse o delegado. 

Um homem de 31 anos também foi preso em flagrante, no bairro Guaranhuns em Vila Velha. “Com ele foram encontrados um revólver calibre 38 especial e 750 pontos de LSD, o que nos leva a crer que ele também teria envolvimento com o tráfico de drogas. Os dois suspeitos pertenciam a uma mesma organização criminosa. Durante a operação, dois simulacros também foram apreendidos”, relatou o titular da Desarme.

Também nessa operação, os policiais cumpriram um mandado de busca e apreensão na casa de um jovem de 19 anos onde foi encontrada pequena quantidade de munições. “No momento da abordagem, ele conseguiu desligar o computador e se negou a dar mais detalhes, o que leva a crer que ele tem envolvimento com a organização criminosa. Por enquanto, ele foi autuado em flagrante,  por portar as munições, pagou fiança e por enquanto, responderá o processo em liberdade”, disse o delegado.

O trabalho de investigações continuará para apurar a origem desse armamento. “São armas caras, de difícil acesso e que eram utilizadas pelos detidos para ostentar nas redes sociais e demonstrar poder. O Inquérito está em andamento e, em breve, será concluído”, relatou o responsável pelo caso.

Os suspeitos de foram encaminhados ao Centro de Triagem de Viana (CTV) e permanecem à disposição da Justiça.

 

 

Você pode Gostar de:

Bolsonaro visita ponte recuperada com recursos federais

O presidente Jair Bolsonaro visitou ontem (7), em São Vicente (SP), a Ponte A Tribuna, …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *