Página Inicial / Geral / Diccor prende suspeito de comandar tráfico de drogas

Diccor prende suspeito de comandar tráfico de drogas

Uma operação desencadeada, na tarde de quinta-feira (04), pela Divisão de Combate à Corrupção e ao Crime Organizado (Diccor), resultou na prisão de um homem de 30 anos, considerado o chefe do tráfico de drogas no bairro Jesus de Nazareth, em Vitória. Contra ele havia um mandado de prisão em aberto pelo crime de tráfico de drogas, uma condenação por porte ilegal de arma, além de processos e investigações em curso, relacionados a crimes de tráfico de drogas, porte ilegal de armas e homicídios.

O investigado foi localizado em um apartamento em Bento Ferreira, Vitória, onde vivia como um cidadão comum e tinha uma vista privilegiada da comunidade onde comandava a atividade criminosa. O secretário de Estado da Segurança Pública e Defesa Social, Alexandre Ramalho, afirmou que o indivíduo é de alta periculosidade.

“Vamos para cima desses traficantes que trazem prejuízos severos à comunidade, fomentam a questão do tráfico na juventude, torturam pessoas, impõem terror, circulam com dinheiro… Quem é que diante da pandemia hoje tem cinco mil reais em casa? Ainda tem cordão ostentando a foto da comunidade. Eles mandam matar, trazem armas de fora, promovem os ‘mandelas’, desestabilizam as famílias e ficam curtindo nas varandas de seus apartamentos nobres”, disse Ramalho.

O delegado-geral da Polícia Civil, José Darcy Arruda, explicou que a localização do apartamento era estratégica para a atividade criminosa. “Ele escolheu um apartamento com vista privilegiada, inclusive para que pudesse ter controle do morro porque tinha uma visão que dava para saber se os olheiros estavam em pé, se havia incursão policial, monitoramento. Do apartamento havia uma visão muito ampla”, relatou Arruda.

A operação contou com equipes da Delegacia Especializada em Armas e Munições (Desarme), da Delegacia de Repressão às Ações Criminosas (Draco) e da Coordenadoria de Recursos Especiais (Core).

“A SIAE tem como foco combater e reprimir esse tipo de atividade criminosa. A prisão desse indivíduo é um golpe forte nessa tentativa de liderar uma organização criminosa. Foi uma operação exitosa e não vai parar. Este é apenas um passo do que ainda vem pela frente”, apontou o superintendente de Inteligência e Ações Estratégicas, delegado João Calmon.

As buscas começaram, na última quarta-feira (03), com incursões no Bairro Jesus de Nazareth. Na quinta-feira (04), o suspeito foi localizado em Bento Ferreira. No apartamento, foram apreendidos, aproximadamente, R$ 5,7 mil, uma pequena porção de maconha, um veículo, celulares, relógios, dentre outros materiais de interesse para as investigações. No momento da prisão, o investigado tentou evitar a apreensão do celular, jogando-o do 16º andar em direção à rua. No entanto, o aparelho foi recuperado e será periciado.

“Esses elementos acreditam que não vão ser pegos nunca. É um elemento que comanda o tráfico de drogas no morro, de dentro de um apartamento de alto padrão, passando a impressão de ser um morador de bem e que, na verdade, montou um escritório do crime em seu apartamento”, informou o chefe da Diccor, delegado Marcus Vinicius.

 

Você pode Gostar de:

Procon multa Enel em R$ 10,2 milhões por problemas em contas de luz

O Procon de São Paulo multou em R$ 10,2 milhões a concessionária de energia Enel. …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *