Página Inicial / Assitência Social / CASAGRANDE: lança projeto para incentivar jovens a fortalecerem ações em seus territórios

CASAGRANDE: lança projeto para incentivar jovens a fortalecerem ações em seus territórios

O Governo do Estado lançou, na terça-feira (14), o projeto JuventudES Emergencial, que visa a incentivar a participação e a autonomia juvenil em áreas do Programa Estado Presente em Defesa da Vida, buscando o fortalecimento das ações que os coletivos e jovens já desenvolvem em seus territórios. Os trabalhos serão executados por uma Organização da Sociedade Civil e serão apoiados 100 projetos, com prêmios de R$ 1 mil e R$ 3 mil. A solenidade virtual marcou também o lançamento do hotsite do Programa JuventudES.

“São duas medidas importantes para essa época de pandemia. Mais uma vez estamos vendo o empobrecimento da população. Quando tudo isso passar, ficará um rastro de desigualdade. Quando a gente toma uma medida, é preciso ter escala e ter certeza que os projetos irão atingir muita gente. As nossas políticas públicas precisam ser eficientes e o JuventudES tem esse propósito”, afirmou o governador Renato Casagrande.

A iniciativa do projeto é da Secretaria de Direitos Humanos (SEDH), por meio da Gerência de Políticas para a Juventude, que vem identificando e trabalhando de forma cada vez mais próxima dos coletivos juvenis. O projeto foi estruturado a partir da parceria com o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID).

Em meio à pandemia do novo Coronavírus (Covid-19), o Governo percebeu que grupos de jovens em todo Estado têm se mobilizado para articular e organizar diferentes formas de contribuir com seus territórios: distribuição de cestas básicas, de materiais de higiene e limpeza, crédito em bancos comunitários, redes de trocas de experiências e compartilhamentos de informações, entre outras ações. Essa participação solidária mostra a necessidade e a força de atuação das juventudes, assim como ressalta sua liderança nas comunidades em momentos de dificuldades.

“Esse é um projeto importante porque vai atingir não só os jovens e as jovens do nosso Estado, mas também, indiretamente, muitas famílias. Nesse momento de pandemia, precisamos pensar em projetos emergenciais que vão auxiliar as pessoas nesse momento tão difícil que estamos passando”, pontuou a secretária de Estado de Direitos Humanos, Nara Borgo.

A vice-governadora do Estado, Jaqueline Moraes, também destacou a importância do projeto. “Leva incentivo aos projetos culturais liderados, muitas vezes por jovens negros, em meio à pandemia. Para resolver as questões da comunidade é preciso ouvir a própria comunidade. Por meio do programa Estado Presente, oferecemos essa ferramenta importante para a juventude capixaba desenvolver ações empreendedoras. Como Governo, é fundamental fomentar políticas públicas que desenvolvam a mente empreendedora dos jovens, pois esse conceito trabalha a criatividade e motivação para fazer acontecer”, afirmou.

O projeto irá distribuir até cem premiações em dois eixos:

– Ações de proteção social organizadas por Coletivos Jovens, no qual o coletivo recebe até R$ 3 mil para distribuir entre os moradores mapeados em seus territórios, em forma de transferência de recurso financeiro ou entrega de produtos de primeira necessidade;

– Produção de Conteúdo e Fruição Cultural em Direitos Humanos e com foco na pandemia do novo Coronavírus, que concederá premiação de R$ 1 mil para jovens que estejam produzindo e divulgando conteúdos, tais como músicas, fanzines, debates on-line, exposições, entre outros.

As Organizações da Sociedade Civil que tiverem interesse em implementar o projeto devem apresentar suas propostas por meio eletrônico no e-mail: licitacoes.ugp@sedh.es.gov.br até esta terça-feira. O processo de seleção já está em curso.

 

Você pode Gostar de:

23/11 CASAGRANDE: se reúne com governadores de GO e MG em defesa do Corredor Centro-Leste

O governador do Espírito Santo, Renato Casagrande, se reúne nesta segunda-feira (23) com os governadores …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *