Página Inicial / Geral / ABUSO SEXUAL: Médico acusado por pacientes é preso

ABUSO SEXUAL: Médico acusado por pacientes é preso

O médico nutrólogo Abib Maldaun Neto, acusado de abusos sexuais por pacientes, foi preso na manhã de hoje (14) próximo ao Aeroporto de Congonhas.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública de São Paulo (SSP-SP), a prisão ocorreu após policiais militares interceptarem o veículo usado pelo nutrólogo nas imediações da Avenida Washington Luis. Dentro do carro, além do acusado, estavam sua esposa, uma advogada e um motorista. O caso foi registrado como captura de procurado pela Divisão de Capturas, do Departamento de Operações Policiais Estratégicas (Dope).

O Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) não informou detalhes sobre o processo porque tramita em segredo de Justiça. A defesa de Maldaun alega inocência. 

O médico é acusado por pacientes de cometer abuso sexual dentro do próprio consultório, no bairro dos Jardins, na capital paulista. Segundo o Ministério Público de São Paulo, o médico já foi condenado em segunda instância por violação sexual mediante fraude pelo TJ-SP, mas continuava atendendo com autorização do Cremesp.

O Conselho Regional de Medicina do Estado de São Paulo (Cremesp) suspendeu cautelarmente o registro do médico devido às denúncias de abuso no final de setembro deste ano. Segundo a entidade, a suspensão é válida por seis meses, podendo ser renovada por igual período e, nesse prazo, o registro profissional do médico ficará suspenso em todo o território nacional.

Fonte: Camila Boehm – Repórter da Agência Brasil – São Paulo

Você pode Gostar de:

26/01 ES: Vacina contra a Covid-19 é aplicada em mais de 20 mil pessoas

Até às 15h desta terça-feira (26), 21.744 mil pessoas do público-alvo foram vacinadas no Estado. …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *